“Após a morte de Afonso Dhlakama, a Renamo passou a comer com a FRELIMO” diz Adriano Nuvunga

O Presidente do maior partido da oposição em Moçambique, Ossufo Momade, está sendo alvo de inúmeras críticas dentro e fora do partido. A título de exemplo, os generais do saudoso Afonso Dhlakama, não estão felizes com a liderança do partido. Entre Abril e Maio, os generais da “perdiz” convocaram duas conferência de imprensa, onde pediram … Ler mais

Ossufo Momade aceita encerrar base militar Após Nyusi ter aceitado pagar os guerrilheiros da Renamo

No mês passado, o presidente da Renamo, Ossufo Momade, garantiu que a Base militar da Gorongosa, pertencente a Renamo, não seria desmobilizada sem que houvesse o pagamento das pensões dos Guerrilheiros do maior partido da oposição no país. Ontem, quarta-feira (24), o lider da perdiz avançou que chegou ao consenso com o mais alto signatário … Ler mais

Ossufo Momade ameaça Filipe Nyusi “Se ele não pagar pensões dos guerrilheiros, haverá consequências”

O líder do maior partido da oposição, Ossufo Momade, aceitou encerrar a Base militar da Renamo, localizada na província de Sofala, no distrito da Gorongosa, após o presidente da República de Moçambique, Filipe Jacinto Nyusi, ter garantido que após o encerramento iria pagar todas pensões dos guerrilheiros da Renamo. Durante a conferência de imprensa que … Ler mais

Ossufo Momade não quer largar osso “não é um indivíduo que vai pedir minha demissão”

No penúltimo sábado do mês, o presidente da Resistência Nacional de Moçambique, Ossufo Momade, instou à imprensa para tecer alguns comentários à respeito dos recentes pronunciamentos dos generais e ex-guerrilheiros da Renamo, que exigiram a sua demissão. Aos jornalistas, os guerrilheiros da Renamo avançaram que Ossufo Momade tem recusado manter encontro com os generais, portanto, … Ler mais

Ossufo Momade Garante que não vai desarmar a Base da Gorongosa

Durante a conferência de imprensa que concedeu na manhã do sábado passado (22), o presidente da Renamo, Ossufo Momade, falou sobre vários assuntos. Um dos quais, foi sobre o mal estar que existe entre si e os generais do maior partido da oposição no país. Momade falou ainda sobre as desmilitarização das bases da “Perdiz”. … Ler mais

Ossufo Momade pretende organizar uma manifestação pacífica em homenagem ao Afonso Dhlakama

Já passam cinco anos que o segundo líder da história do maior partido da oposição no país, Afonso Dhlakama, deixou o mundo dos vivos vítima de doença. O actual líder do partido Renamo, Ossufo Momade, afirmou que no dia 29 do corrente mês, será feita uma manifestação pacífica à nível nacional em homenagem ao pai … Ler mais

Generais da Renamo aconselham Ossufo Momade à Abandonar o partido

Generais do maior partido da oposição em Moçambique, estão entristecidos com a forma que Ossufo Momade tem conduzido o partido. Falando aos microfones da STV, os generais da Renamo alegaram que o atual presidente da “Perdiz” não tem dado atenção aos antigos homens armados da Renamo. “O presidente Ossufo Momade não tem nos dado devida … Ler mais

Ossufo Momade acusa seu Amigo, Filipe Nyusi, de mentir sobre Paz nos EUA

O Presidente da Perdiz, Ossufo Momade, não gostou da forma como presidente da República de Moçambique, Filipe Jacinto Nyusi, discursou com altas individualidades na cidade de Nova Iorque, nos Estados Unidos da América. Durante a conferência de imprensa havida na passada segunda-feira (3), na capital moçambicana, Maputo, o substituto de Afonso Dhlakama “Que paz e … Ler mais

Ossufo Momade arrasa Filipe Nyusi “Agiu de má fé ao Ignorar a morte do Azagaia”

O presidente do maior partido da oposição em Moçambique, Ossufo Momade, criticou o presidente da República de Moçambique, Filipe Nyusi, por ter ignorado a morte do Azagaia. Durante uma conferência de imprensa, que decorreu na segunda-feira (3), na cidade de Maputo, Ossufo Momade arrasou o chefe de Estado por ter impedido a marcha em homenagem … Ler mais

Oposição acusa autoridades de “terrorismo de Estado”

Os principais partidos da oposição na nossa pérola do Índico, Renamo e MDM, acusaram a polícia da República de Moçambique (PRM) de “agressão brutal” e de “terrorismo de Estado”, ao reprimir a marcha em homenagem ao Azagaia no passado Sábado (18). “A polícia tinha o dever de proteger a população, mas começou a disparar de … Ler mais