POLÍTICA sansaomachava

PRM deteve 19 suspeitos de pertencerem ao grupos Terrorista do Al-shabab

A Polícia da República de Moçambique (PRM), deteve 19 pessoas na semana finda em Palma, na província nortenha de Cabo Delgado, suspeitas de pertencerem ao grupo de terrorista do Al-shabab, que têm protagonizado ataques armados naquele canto de Moçambique.

Os 19 indivíduos seguiam em dois autocarros e, quando foram interpelados pelas autoridades moçambicana, alegaram que saíam de Mocímboa da Praia para Palma para pescar, o que levantou desconfianças, disse Augusto Guta, porta-voz da PRM ao nível da província de Cabo Delgado.

“O argumento não fazia sentido, tendo em conta que Mocímboa da Praia apresenta melhores condições para pesca”, disse Augusto Guta, citado pela Lusa, acrescentando que em outras ocasiões as autoridades detiveram outros suspeitos que apresentaram a mesma alegação para entrar em Palma.

“Nós estamos atentos”, declarou o porta-voz da PRM em Cabo Delgado, frisando que as autoridades reforçaram a fiscalização em toda a província para impedir incursões de grupos armados.

Advertisement

Importa Referir, que no dia 04 de junho, 35 pessoas que sobreviveram ao naufrágio de uma embarcação em Pemba, capital provincial de Cabo Delgado, foram retidas para esclarecimentos por apresentarem versões contraditórias sobre a sua proveniência e destino.

“O caso dos sobreviventes do naufrágio já foi encaminhado para o Ministério Público”, declarou Augusto Guta, sem avançar mais detalhes.

Advertisement
Advertisement
Loading...

Editor chefe do Moz Massoko, empreendedor digital, Trabalho também com marketing de afiliados, nos tempos livres gosto de aprofundar os meus conhecimentos sobre internet Marketing. | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: